As empresas em zonas de conflito devem assumir a responsabilidade pelas suas ações
Nov, 13, 2022
Uma nova lei corporativa de due diligence da UE deve incluir disposições para garantir que as empresas que operam em zonas de guerra sejam responsáveis pelas suas ações, escreve Heidi Hautala; vice-presidente do Parlamento Europeu e membro do comité de Comércio Internacional do Parlamento.

 

A Comissão Europeia apresentou uma proposta de Diretiva sobre Due diligence de Sustentabilidade Corporativa, que obrigará as empresas a agir de forma mais responsável em todas as cadeias de abastecimentos globais. No entanto, o projeto de diretiva não inclui nenhuma disposição sobre conduta comercial em áreas afetadas por conflitos e de alto risco. Isto é preocupante e deve ser remediado pelo Parlamento Europeu, conforme solicitado por mais de 40 organizações da sociedade civil e académicos ativos no campo dos negócios, conflitos e direitos humanos. (…)

(AVISO LEGAL: Todas as opiniões nesta coluna refletem as opiniões do(s) autor(es), não da rede EURACTIV Media).

Por Heidi Hautala MEP
Fonte: EurActiv, em 15 de Novembro de 2022
https://www.euractiv.com/section/economy-jobs/opinion/businesses-in-conflict-zones-must-take-responsibility-for-their-actions/ 

Pesquisa
eventos
Conferência - Portugal e a Alta Velocidade Ferroviária
Sede da Região Norte d...
Jan, 27, 2023 10:00
Eventos em Parceria
DRCA - Webinar Comércio Internacional
Online
Jan, 27, 2023 18:00
Formação
DRCA - Carnaval 2023 - ESGOTADO
Centro Cultural de Belém
Fev, 12, 2023 17:00
Cultura
publicidade
cadernoseconomia